domingo, 18 de outubro de 2015

Pisos Elevados - Estória de uma História

Em meados dos anos 90, o piso elevado era somente para uso interno, e só existiam no Brasil dois fornecedores, a Tate e a Werden, o primeiro dinâmico em placas metálicas e o segundo em argamassa autonivelante em sistema estático, ambos importados e muito caros.

Na obra do edifício Os Bandeirantes na av. Faria Lima em São Paulo, a construtora Racional através de seu diretor de engenharia Wilson Pompilho, elaborou um projeto de piso elevado estático de concreto em que o sistema de uso seria semelhante ao da Werden.

Para realização do projeto a Racional convidou a Palazzo, empresa que eu trabalhava, para produção e instalação do piso.

O projeto se constituía de placas de concreto armado pré-fabricadas, fixadas em apoios de concreto; sendo que por cima das placas executava-se um contra piso de concreto telado. O grande lance do projeto estava na furação para uso de tomadas; os furos teriam que acertar exatamente no centro das placas pré-moldadas onde não teria armação. Para isso as placas eram pré-fabricadas nas dimensões 62,5 X 62,5 cm, montadas na mesma paginação do forro; e como o forro era paginado em 62,5 cm X 1,30 m era só descer um prumo do forro que acertaria o centro da placa.

Aprimorando o projeto acima, a Palazzo o transformou em um piso em placas dinâmico, eliminando o contra piso e apoiando as placas em suportes metálicos reguláveis, se assimilando ao sistema de uso do Tate.

Na época, a tecnologia era outra, as placas eram bem empenadas, tanto pela retração do concreto quanto pelas formas que primeiramente eram de madeiras e depois passaram a ser de fibra. Na montagem não existiam os niveladores de cortiça, então as correções eram feitas com palitos de fósforo, papelão, palitos de sorvete e etc.

Em outras obras, para diminuir o ranger do piso de concreto com o metal, desenvolveu-se o apoio regulável de plástico.  Seria então, 20 anos atrás, o embrião do piso elevado em placas de concreto existente hoje para piso externo.

Uma Estória de uma História.
Boas Obras!!!!



2 comentários:

Unknown disse...

Parabéns, Inglês!

Ótimo retrospecto!

Rodolfo

Unknown disse...

Parabéns Inglês!

Ótimo retrospecto!

Related Posts with Thumbnails